Relatório

Seguindo o cronograma apresentado do projeto, tentei encaminhar tudo que estava previsto dentro do projeto.
Inicialmente fiz contato com os pontos que foram selecionados durante o período previsto de articulação, com alguns pontos não tive êxito devido a questão da comunicação, e não retorno dos e-mail e caminhados a eles. Então por esse motivo realizei as atividades nos ponto que obtive retorno, pontos esse que se concentrarão mais na região central do Espirito Santo e no norte do estado.
Passando o período de articulação e montagem do roteiro de ação das atividades, seguir a campo realizando as oficinas e gravações dos áudios para o CD capixaba na rota dos baobás, que e o resultado produzido a ser apresentado a FUNARTE.
Além das oficinas e sessões de gravação nos pontos, criamos paginas webs para os pontos que ainda não tinham essa ferramenta de comunicação e divulgação de suas atividades, ações essa que contribuiu no processo de democratização da comunicação. Também produzir alguns tutoriais de edição de áudio e blogs que esta disponibilizados para donwloads nos blogs dos pontos de culturas participantes do projeto.

Entre as atividades previstas nos outros pontos, realizei varias atividades no ponto residente, inclusive cheganso a sediamos o Flisol 2013 ( Festival internacional de instalação de software livre), onde o ponto passou a complender o processo da cultura digital e os caminhos percorridos para uma melhor compreensão das tecnologias livre. Tabém durante as oficinas fizemos rodas de detates sobre Cultura e as politicas publicas.

Participei de reuniões dos pontos de cultura do estado, onde falei sobre o Programa Interações Estéticas da FUNARTE, falei do projeto e contribuir em algumas articulações do ponto de cultura mirante com outros pontos que estavam fora de suas lista de pontos por não serem ainda institucionalizados como pontos de cultura, mas produzem cultura direta e indiretamente. Também realizamos atividades com coletivos culturais do estado, chegando a ter uma participação nas oficinas muito boa por parte desses coletivos que querião compreende o processo de produção independente, conhecer o que e software livre e como acessar as politicas publicas culturais do governo federal.

Durante os 6 meses de atividade realizamos as ações na seguinte ordem:

1. JANEIRO FEVEREIRO E MARÇO

1. Seleção dos pontos a que participarão do projeto. Esta seleção se deu

em parceria com a Rede Mocambos , Ponto de Cultura Mirante e coletivo

Casa Preta .

2. Articulação e contato com os ponto para agendamentos de visitas.

3. Visitas aos pontos agendado na região norte e central do estado.

4. Aquisição de Equipamento do estúdio itinerante

5. Composição dos Roteiros das sessões de gravação

2.ABRIL E MAIO

1. Migração do Laboratório do ponto de cultura Mirante para Linux e

adequação do estúdio.

2. Elaboração das oficinas

3. Ralização das oficinas ( edição de áudio, softaware livre, blog e webrádio/TV)

4. construção de tutoriais.

6 . JUNHO E JULHO

1. sessão de gravação

2. Edição e finalização do CD

3 Finalização do projeto e entrega de relatório e resultado final.

 RELATÓRIO FINAL DE ATIVIDADES_BOLSA INTERAÇÕES ESTÉTICAS_2012

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: